terça-feira, 17 de junho de 2008

Sobre momentos e escolhas


Escolhas fazem parte do cotidiano. Ou você escolhe ou a vida escolhe por você. Simples assim. O fato é que todas nossas escolhas são influenciadas por nossa história de vida, por tudo que vivemos, por nossas experiências. Sem dúvida escolher é fundamental para nosso crescimento em todos os aspectos do nosso ser. Porém como fazer sempre a melhor escolha? Se voce pensa que eu tenho essa resposta pode parar de ler agora. Agora se voce escolheu continuar aqui vamos pensar juntos. Nossas decisões são um misto de influências emocionais e racionais, por mais racional que possa parecer a simples compra de um remédio para dor de cabeça, ainda assim tem emoção na escolha. Como? Você vai até farmácia ,pede um remédio para dor de cabeça, o farmaceutico na melhor intenção possível te apresenta uma infinidade de opções. Voce acha que só racionalmente voce irá escoher? Com certeza não, o preço, a embalagem, a indicação de alguém, váriaveis suficientes pra te deixar uma duvida.
Escolhas são feitas a partir de duvidas, nào dá para saber qual a melhor escolha. Por isso existe o momento, esse é um fator chave na decisão. Com o tempo que depois da escolha feita, vai ajudar a pesar se foi uma boa decisão ou não.
Porque dói fazer algumas escolhas? Porque toda decisào exige renuncia.É, não dá para querer tudo, escolher é desapegar, deixar de fazer algo pra fazer alguma coisa. E o momento ajuda muito nessa decisão. Uma boa escolha hoje pode ser uma péssima decisão amanhã! O certo é que continuaremos a escolher, querendo ou não, consciente ou inconscientemente. Boas escolhas para vocês!

3 comentários:

Adriano disse...

Estou na dúvida hj se como no Frank ou se vou pra casa...
Escolha...

juliana Frangetto disse...

Sobre escolhas:
A vida é feita de escolhas.Ao acordar se tem duas escolhas a fazer:sorrir pra vida ou nao!durante o dia segue uma infinidade de escolhas até o momento de repouso é de nossa escolha.Poderemos nos deixar embalar pelo sono ou nao!
Sobre momentos:
A vida é feita de momentos.Quem define se serao bons ou ruins sao nossas escolhas...ou nao?
Abraços

L. disse...

nossa, acabei de fazer uma grande escolha na minha vida, talvez uma das maiores, e claro, nao podemos olhar para tras nem ficar imaginando como seria se tivessemos escolhido outra estrada! o jeito é segurar o folego e tocar para frente, ne? adorei o texto, pois nele encontrei muitos de meus pensamentos nesses dias de indecisões e escolhas!!! domo arigato!