domingo, 5 de abril de 2009

Janela do Ser


A janela entreaberta do meu ser,
não permite que veja tudo que se passa,
mas o meu querer
me diz faça e não disfarça!

Tirando o medo devagar,
as nuvens vão sumindo lentamente
como aquele dia nublado,
transformado, ensolarado!

um choro leve,
água correndo pro mar
tu estarás lá
sabemos onde vai chegar

E o sol...
invade a janela entreaberta
me dizendo já era tempo
de mostrar o sentimento

Escondi demais
só espreitei tua passagem
agora quero curtir junto nossa viajem!

Deixa nossa janela do ser, florescer!

5 comentários:

Anna disse...

Lindo! De onde tira tanta inspiração?
Beijos

Cavaleiro dos Dragões disse...

Que bom que gostou Anna!
Ando inspirado!
beijos

paulinho) disse...

Gostei do que li. Confesso que caí no seu blog por acidente, mas gostei do nome. Pela segunda noite sonhei ver um dragão acorrentado,um dragão feroz, e competia com ele. De alguma forma eu também exalava fogo. Estranho. Enfim, sempre gostei de dragões. Voltarei mais vezes! Um abraço!

Cavaleiro dos Dragões disse...

Paulinho

bem vindo!
Vc conhece o Livro Transformando Dragões?
Ed.Pensamento- Sonia Café (autora)
Acho que vai te ajudar a interpretar esse sonho...
Sonhos e dragões uma mistura poderosa.
Volte sempre, tem post mais antigo tratando do tema!
Entre e fique a vontade tá?
abraço e obrigado!

Anna disse...

Caramba, está sumido...
saudades dos posts...
Beijos