sexta-feira, 3 de abril de 2009

Fé em Pé!


Fui assaltado!Ou melhor fomos, eu e meu mano, companheiro de jornada na alegria e na tristeza! Foi mais ou menos assim...
Saímos da gravação do programa, guardamos os notebooks no porta-malas do carro e seguimos em direção a fome... Voltamos em 40 minutos, seguimos pra Santos, quando chegamos descobrimos que haviamos sido roubados...
Ao abrir o porta-malas estava vazio, ficamos olhando um pro outro com cara de não aconteceu isso... Pensei é brincadeira, não pode ser...
Mas foi! Primeiro sentimento, não acreditei! O segundo foi pior, pena de mim...
Nossa é impressionante como isso faz mal. Durou a noite toda, não dormi até 05 horas da matina mais ou menos... Por volta das 10 horas, terceiro sentimento o da necessidade, fazer um boletim de ocorrência, trocar senhas da internet, me precaver...
Sentimento de número 04,o desapego! Esse tá doendo ainda, meu backup estava junto do computador, fotos dos meus filhos, material de clientes... Que estúpido deixa o backup junto do computador, essa hora você pensou né? Eu deixei!
Mas tem uma outra coisa, meu note era meu xodó, tipo a guitarra predileta do roqueiro, a chuteira que encaixa no teu pé e você jura que nunca mais vai jogar com outra... Essa era a relação que eu tinha! Os mais desapegados vão dizer, era só material...
E agora como estou me sentindo...
Estou com Fé em Pé!
Eu sempre acreditei na vida, acredito em mim! Mas só ter fé, sem estar de pé não combina com o Zé! Vamos recomeçar. Fazer melhor do que tava antes, melhorar a qualidade do trabalho, ser mais cuidadoso e menos bobo!
Acho que muita gente reza ajoelhado, eu rezo de pé! Acredito na força divina, peço proteção e vou em frente! Diante dos desafios, levanta sacode a poeira e dá volta por cima,
Tomamos o gol mas não perdemos o jogo!
Foi só material, mas tá doendo!
Mas ainda to de PÉ e cheio de FÉ!

4 comentários:

fabim disse...

Eu também tenho fé, meu irmão, fé que quem faz o bem como você é maior que todas as adversidades, fé que quem propaga a paz sempre conseguirá sobrepujar as coisas ruins. Sei que dói e que não é fácil, mas conte comigo para os sonhos e para os pesadelos...

Anna disse...

Eu sempre acho que as coisas acontecem por um motivo... só precisamos descobrir qual motivo é! Como dizia a minha avó, vão-se os anéis mas ficam os dedos... é isso que importa! Bola prá frente!
Beijos

Cavaleiro dos Dragões disse...

Fabim meu irmão!
Sei que tamo junto...
longe ou perto conexão de coração
brigadu e beijão

Cavaleiro dos Dragões disse...

Anna
para o alto e avante!
valeu mesmo!
beijos