terça-feira, 24 de fevereiro de 2009

Sonhos de Carnaval!



Definitivamente eu adoro CARNAVAL!
Tentei recordar de onde vem essa paixão...
Sempre gostei de desfilar, toquei na banda da escola, comecei com 07 anos, meu instrumento era o surdo! No começo, tocava muito mal,permaneci na banda até os 12 anos, fiz uma inovação, peguei a baqueta do fuzileiro (outro instrumento) e comecei a fazer evolução, Santanna nosso paciente maestro gostou da idéia e me promoveu a chefe de bateria.
Imagino que daí vem essa paixão pelas baterias das escolas de samba e pelo carnaval do RJ. As paradinhas,a mistura com o funk, os atabaques da Bahia e todas as inovações que os mestres de bateria vem apresentando com o passar do tempo.
Minha escola de coração é o Império Serrano, nunca fui a quadra da escola, mas me encanta a simplicidade da bateria, o surdo de virada e principalmente o surdo de marcação, aquele que pulsa na batida do coração...
Assim acredito que deva ser o ritmo do desfile de nossas vidas, uma combinação entre o surdo de virada que dá andamento no samba enredo de nossas vidas, que bate no contrapasso do andamento da música, que faz a gente seguir em frente, quando o destino final está longe, onde o cansaço já está tomando conta do corpo. E o surdo de marcação que pulsa como nosso coração cheio de vontade, bombeando a energia por cada célula do corpo!Como que cantando baixinho no ouvido: Viva a vida!Você está vivo!Viver é um milagre!
Ah bendito surdo do Império, que me impulsiona a sonhar...
Quero desfilar na bateria estandarte de ouro, tocando surdo, estando surdo para o som externo, afinando a batida do meu coração com o compasso do surdo e ouvindo o som do meu coração! Eu vou, ano que vem eu vou!!!

8 comentários:

Ana disse...

Amei... como tudo o que vc escreve.
Também eu sinto o meu coração pulsar na batida de uma escola de samba... Amo o Carnaval!
Ao menos aqui... (enquanto um livro não sai... rsrs) não deixe de escrever.
Um grande abraço.

Anna disse...

Meu sonho também é desfilar na bateria de uma escola de samba... só que a minha escola do coração é a Mangueira! Parece cliché gostar da Mangueira, talvez seja uma coisa de infância... mas amor não se explica né? Ele simplesmente existe...
Eu já desfilei algumas vezes, mas ainda saio na bateria! Quem sabe não nos encontramos entre os instrumentos no ano que vem?

Beijos

Cavaleiro dos Dragões disse...

Ana,
muito obrigado pelo carinho...
Pode deixar não vou parar de escrever não!
Me faz muito bem..
Ainda mais com o carinho que ando recebendo! Deixando o coração pulsar na batida do surdo!
Um abração

Cavaleiro dos Dragões disse...

Anna,
A mangueira é maravilhosa, fui no Palacio do Samba, conheci a velha guarda, beijei a mão da dona Zica...
Um presente de um grande amigo carioca, Alfredo! Foi maravilhoso!
Não sei explicar o porque do Império Serrano, álias vou tentar explicar num próximo post...Para adiantar foi quando o Império ganhou o Carnaval com o samba: BUM BUM PATICHUBUM ZURUGUNDUM!!!
beijo

Anna disse...

Poxa, vc viu que o Império caiu?? =(

Cavaleiro dos Dragões disse...

Eu vi...(
mas escreverei sobre essa capacidade enorme de descer e subir do Império...

Danuzinha disse...

Nossa que energia...da para sentir em suas palavras a paixão que você tem pelo carnaval...
Eu adoro carnaval e gostaria muito de sair em uma escola de samba...realmente seria um sonho...
Quando mais nova era tudo que eu queria...Beijocas

Cavaleiro dos Dragões disse...

Danuza
tenho paixão pelo carnaval sim!
Mas ainda mais pelo espirito ludico que envolve as pessoas e transforma o mundo!!
Beijos