quarta-feira, 19 de março de 2008

Sonhando no México


Bateu uma saudade hoje!
Sou um cara saudosista, lembro de muitas coisas da minha infância, que foi muito divertida.Lembro da hora do recreio com pão de cará e queijo derretido no forno pela Tia Valci e garrafinha de Gini, de levar super-heróis de vinil para brincar e criar clubes com os amigos , tudo isso na escola. Tem mais um monte de lembranças boas e outras nem tanto assim.
Mas o que me deu saudades hoje especialmente, foi um trabalho que realizei com minha irmãzinha Ines Cozzo em 2005 no México. O trabalho em si foi muito legal, porém, as lembranças são das pessoas que conheci e da acolhida maravilhosa que tive.
Apaixonado por futebol, soube que ia ter jogo no Estádio Asteca,aquele da final do Tricampeonato mundial conquistado pelo Brasil, com a melhor seleção de todos os tempos (não fui eu que dei esse titulo , mas concordo com ele) 4x1 na Itália na Final.
Oportunidade única , lá fui eu! Chegando no estádio um lugar mágico, fui sozinho e bom ressaltar sem conhecer ninguém, minha anfitriã me levou até lá e logo comprei uma camisa do América, número 23 Kleber Pereira , esse mesmo do Santos atualmente e fui pro meio da torcida do América que ia massacrar o coitado do Dourados por 3 gols de diferença. O México tem muitos brasileiros e somos muito bem recebidos pelos mexicanos, preciso dizer que fui acolhido na torcida, tomei aguardente com coca oferecida por eles, fui de carona pra casa e ganhei o convite para voltar na quarta.
É claro que tudo isso foi uma experiencia única, mas quando o jogo acabou eu me vi sozinho e aí veio o sonho...
Eu entrando naquele estádio, com a camisa 09 , a torcida delirando e eu fazendo meus gols, como no recreio da escola, sendo o Careca, meu centroavante predileto...
Não sei onde os sonhos morrem, mas sei que eles sempre podem renascer...
Valeu México, valeu estádio Asteca, valeu Careca, Valeu Tia Valci.
Valeu!!

Um comentário:

Ines Cozzo Olivares disse...

Emocionei com meu presente :)

Você é lindo.
Você é especial.
Você é único.
Você, mesmo, é um presente que agradeço sempre ao Papai do Céu :D